Seja bem-vindo. 25 de fevereiro de 2024 11:48
Previous
Next

“Tarifa Zero de Luziânia será modelo para outras cidades”, diz Caroline Fleury ao conhecer sistema implantado há um mês no município

“Tarifa Zero de Luziânia será modelo para outras cidades”, diz Caroline Fleury ao conhecer sistema implantado há um mês no município

O número de usuários por dia quase triplica no primeiro mês do tarifa zero. previsão é aumentar com retorno das férias

A Secretária de Estado do Entorno do Distrito Federal (SEDF-GO), Caroline Fleury, participou de uma reunião na manhã desta segunda-feira (08/01) com o prefeito de Luziânia, Diego Sorgatto, em seu gabinete, para conhecer os primeiros resultados do sistema “Tarifa Zero”, que foi implantado no município no início de dezembro do ano passado. Os números revelaram um aumento na demanda diária de usuários do transporte coletivo, saltando de 4,2 mil para 13 mil, ao custo de R$ 800 mil, provenientes do Tesouro Municipal. “Esse avanço não só beneficia diretamente os usuários, mas também demonstra o potencial do sistema para melhorar a mobilidade urbana. Além disso, ele foi expandido para atender a zona rural”, afirmou Sorgatto.

“Parabenizo o prefeito por liderar a implementação correta do sistema tarifa zero, com bilhetagem eletrônica, incluindo tecnologias de cidade inteligente, monitoramento de dados e formalização de licitações. Tenho certeza de que este será um modelo inspirador para outras melhorias na região do Entorno”, ressaltou Caroline Fleury. Durante a reunião, ela esteve acompanhada pelo subsecretário de Políticas para Cidades e Transporte da Secretaria-Geral de Governo, Miguel Ângelo Pricinote, pela gerente de Políticas de Transporte do Entorno do DF, Flávia Nascimento, e pelo Assessor Técnico, Jean Damas.

O diretor da Superintendência de Trânsito de Luziânia, Marcelo Lemos, apresentou alguns indicadores do primeiro mês de operação do Tarifa Zero e convidou a equipe para auxiliar na definição das diretrizes do processo licitatório. Caroline Fleury e os técnicos da SGG se colocaram à disposição para colaborar com estudos e trâmites burocráticos para o processo licitatório que está sendo preparado para o sistema de transporte na cidade.

Marcelo Lemos enfatizou que o cadastro de usuários já ultrapassou a marca de 30 mil inscritos e que, a partir de fevereiro, será obrigatória a apresentação da carteira para utilizar o transporte. Ele explicou que o sistema implantado no Tarifa Zero fornecerá dados precisos sobre o uso do transporte, identificando os usuários, as rotas percorridas e a quantidade de passageiros em cada horário. “Isso aprimora o controle e, principalmente, a transparência na gestão do transporte”, concluiu.

Governo de Goiás e ANTT discutem melhorias na gestão do transporte no Entorno

Um Grupo de Trabalho foi criado para aprimorar a gestão do transporte no Entorno do Distrito Federal, possibilitando um processo transparente e eficiente para a troca de informações entre todas as partes envolvidas

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) iniciou um diálogo contínuo com o Governo de Goiás para aprimorar a gestão do transporte no Entorno do Distrito Federal, com a criação de um Grupo de Trabalho (GT) com representantes da ANTT, dos governos de Goiás e do DF e o Ministério dos Transportes.

Durante encontro do Grupo de Trabalho, a secretária do Entorno do Distrito Federal de Goiás (SEDF-GO), Caroline Fleury, e o subsecretário de Políticas para Cidades e Transporte da Secretaria-Geral de Governo, Miguel Angelo Pricinote, foram recebidos pelo diretor-geral da ANTT, Rafael Vitale Rodrigues.

Caroline Fleury expressou a importância da iniciativa, destacando que “é muito importante essa sinalização de uma cooperação contínua em relação à gestão do transporte no Entorno, incluindo a temporária solução de um convênio para uma governança interna entre as partes envolvidas”.

O subsecretário, Miguel Pricinote, ressaltou que, embora a ANTT tenha uma função reguladora e fiscalizadora, não é um órgão executor de políticas públicas, tornando essa governança compartilhada crucial.

O diretor-geral Rafael Vitale Rodrigues enfatizou que o GT visa estabelecer um processo transparente e eficiente para a troca de informações entre todas as partes envolvidas.

“Já a partir da próxima semana, estabeleceremos uma rotina de trabalho com os governos de Goiás e do Distrito Federal, e também com o Ministério dos Transportes que formula políticas públicas, incluindo um cronograma de atividades para a gestão interna do transporte na região do Entorno”, afirmou o diretor.

Além disso, em relação ao estudo para viabilizar um possível subsídio ao transporte interestadual, Vitale anunciou que sua equipe realizará estimativas de reajuste e distribuição por linha ou empresa, fornecendo informações essenciais para que outras entidades possam organizar eventuais subsídios.

De acordo com Caroline Fleury, outro destaque da reunião foi o pré-agendamento de uma reunião com prefeitos e parlamentares do Entorno, que discutirá as questões de gestão do transporte relacionadas às necessidades individuais de cada município e projetos para a região.

 

Tarifa Zero: transporte público passa a operar de graça em Luziânia

Tarifa Zero: transporte público passa a operar de graça em Luziânia

Com programa oficializado nesta segunda-feira (27/11), população de Luziânia (GO), no Entorno do DF, poderá usar transporte público de graça

O município de Luziânia (GO), no Entorno do Distrito Federal, passou a ter transporte público em operação com tarifa zero, nesta segunda-feira (27/11). A medida garante aos moradores da cidade gratuidade para circulação nos veículos coletivos.

Até 2020, só 16 municípios brasileiros contavam com iniciativa semelhante. Ãté então, dos 242 municípios de Goiás, apenas um oferecia a gratuidade: a cidade de Anicuns, com 21 mil habitantes.

A solenidade de oficialização da medida contou com a presença do prefeito de Luziânia, Diego Sorgatto (União Brasil); do deputado federal Célio Silveira (MDB-GO); do deputado estadual Wilde Cambão (PSD); de vereadores; entre outros.

Em outubro, o prefeito havia enviado à Câmara Municipal de Luziânia o projeto de lei que definia os dispositivos para que o Executivo local subsidiasse integralmente o transporte público da cidade.

“Apesar de termos recebido a prefeitura com dívidas de mais de R$ 40 milhões e sem qualquer recurso em caixa, fizemos uma grande tarefa fiscal para que pudéssemos recuperar a saúde financeira do município, planejar a execução dessa política pública e, assim, implementar a gratuidade da tarifa no transporte para nossa comunidade”, afirmou Diego Sorgatto.

Ainda segundo o prefeito, o município subsidiava o transporte público na cidade com R$ 150 mil por mês. O formato de manutenção do sistema havia sido adotado no fim do segundo ano da atual gestão (2021-2024), para evitar o aumento das passagens.

Promessa cumprida: Tarifa Zero entra em operação nesta segunda-feira em Luziânia-GO

Promessa cumprida: Tarifa Zero entra em operação nesta segunda-feira em Luziânia-GO

Tarifa Zero, mais emprego e menos poluição, o programa que concede gratuidade nos ônibus do município

Com recurso total proveniente da Prefeitura de Luziânia, o programa Tarifa Zero foi lançado nesta segunda-feira (27), às 8h, em frente à Prefeitura do município. A iniciativa é o resgate de uma promessa de campanha, de 2020, do então deputado estadual e candidato a prefeito de Luziânia, Diego Sorgatto.

O programa consiste basicamente em zerar a tarifa do transporte público intermunicipal através de subsídio por parte do Governo Municipal. Segundo o prefeito Diego o transporte no município já era subsidiado desde o seu primeiro ano de Governo, um valor de R$ 150 mil por mês. Medida adotada para evitar o aumento da tarifa no município.

Os ônibus do Tarifa Zero receberão plotagem especial com o nome do programa e circularão pelas atuais linhas realizadas pela empresa Catedral (que tem a concessão do transporte público municipal) e outras que serão criadas para atender outros bairros que ainda não possuem transporte público.

Cadastro
Não existem critérios para participar do programa. Todos os moradores do município, acima de 6 anos, independente de condição social, ou inscrição em programas sociais estão elegíveis. Para ter acesso ao Tarifa Zero basta realizar o cadastro em um dos 12 pontos que estão espalhados pela cidade.

O sistema a ser adotado é de bilhetagem com a utilização de cartão magnético por reconhecimento fácil. Para cadastro, a única exigência é um documento pessoal com foto e menores de 6 anos não precisam se cadastrar. De início será dada uma carência de 30 dias para a exigência dos cartões magnéticos. Após este período, somente as pessoas cadastradas poderão ter acesso ao benefício.

Pontos de cadastramento:

Prefeitura Municipal
Superintendência Municipal de Trânsito
Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho
DIAL – CMEB Maria Lucinda
Jardim São Paulo – UBS
Americanos – UBS
Sol Nascente – Escola Municipal Ilka Meireles
Mingone 2 – CMEB Natália Aparecida
Gabinete do Prefeito no Jardim Ingá
Administração do Jardim Ingá
Garagem da Catedral
Planalto – UBS.

O sonho se tornou realidade! A gestão do prefeito Diego Sorgatto inicia a implementação de tarifa zero no transporte público de Luziânia

O sonho se tornou realidade!
A gestão do prefeito Diego Sorgatto inicia a implementação de tarifa zero no transporte público de Luziânia

Iniciativa do gestor Diego Sorgatto, prevê a gratuidade das passagens de ônibus e a melhoria na qualidade dos serviços prestados no município de Luziânia

A manhã de hoje foi de festa em Luziânia-GO, festa porque foi o grande dia devido mais uma promessa de campanha cumprida do tão sonhada tarifa zero que irá ajudar bastante às pessoas desta região.

Uma gestão inovadora e criativa, exemplo disso um projeto político administrativo voltado a mobilidade urbana, pensando na comunidade que vive em uma região do Entorno Sul de Brasília que as cidades vizinhas pagam o transporte tão caro, más em Luziânia agora e diferente pela primeira na história uma cidade terá de nossa região terá uma tarifa zero.

Apesar das dificuldades encontradas no início e durante os anos seguintes da gestão, pegou um município destruído que o ex-prefeito Cristóvão Tormin deixou, mesmo assim o prefeito de Luziânia, Diego Sorgatto (União Brasil), não poupou esforços e enviou à Câmara Municipal, na quarta-feira (18), projeto de lei que cria o Programa Tarifa Zero para transporte público na cidade. A previsão é que a medida seja votada nesta quinta-feira (19).

Atualmente o município subsidia o transporte público na cidade em R$ 150 mil por mês, uma medida realizada no final do segundo ano de seu governo para evitar o aumento das passagens. Zerar a tarifa do transporte é uma promessa de campanha do prefeito.

“Apesar de termos recebido a Prefeitura com dívidas de mais de R$ 40 milhões e sem nenhum recurso em caixa, fizemos uma grande tarefa fiscal para que a gente pudesse recuperar a saúde financeira do município, planejar a execução dessa política pública, e assim implementar a gratuidade da tarifa no transporte para a nossa comunidade”, diz o prefeito.

Dados de 2020 apontam que apenas 16 municípios no Brasil possuem programa semelhante. Dos 242 municípios do estado de Goiás, apenas um oferece a gratuidade. É a cidade de Anicuns, com 21 mil habitantes.

Os vereadores devem votar o projeto em duas sessões nesta quinta.

STF determina transporte público gratuito em dias de eleição a partir de 2024

STF determina transporte público gratuito em dias de eleição a partir de 2024

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Luís Roberto Barroso, afirmou que a omissão do poder público é inconstitucional

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, de forma unânime, nesta quarta-feira (18), que o poder público deve garantir transporte coletivo gratuito nas datas de eleições a partir de 2024. O serviço deverá ser oferecido em frequência equivalente à dos dias úteis.

A medida perdurará até que o Congresso Nacional formule uma lei específica sobre a gratuidade durante as votações. Até que isso ocorra, a Justiça Eleitoral será responsável por detalhar os critérios do serviço gratuito.

dias comuns.”

Durante o pronunciamento de seu voto, o presidente do STF fez um chamado ao Congresso Nacional para que avance com uma legislação pertinente ao tema. Esse apelo ocorre em um momento em que o STF vive tensões com o Poder Legislativo, enfrentando resistências principalmente por parte do Senado.

A demanda analisada pelo STF foi protocolada pela Rede Sustentabilidade no ano anterior. No último dia 18 de outubro, em uma decisão liminar, Barroso já havia autorizado prefeituras e empresas concessionárias a ofertarem transporte público sem custos para a população durante o segundo turno das eleições municipais, realizado em 30 de outubro de 2022.

Ex-deputado Distrital Tabanez, sugere melhorias para mobilidade urbana de Região Metropolitana do Entorno Sul e Distrito Federal

Ex-deputado Distrital Tabanez, sugere melhorias para mobilidade urbana de Região Metropolitana do Entorno Sul e Distrito Federal

O ex-deputado Carlos Tabanez (MDB) sugeriu melhorias para a mobilidade urbana da Região Metropolitana do Entorno do Distrito Federal e DF, o documento foi protocolado e oficializado no Governo GDF e Associação dos Municípios Adjacentes a Brasília (AMAB), onde o Prefeito Pábio Mossoró também do mesmo partido do ex-parlamentar MDB.

O assunto já foi abordado por diversas vezes pelo parlamentar em outras ocasiões, sempre pontuando o que pode ser revisto em relação a agilidade e conforto dos usuários do transporte público, em especial do Entorno. Ele adiantou ainda que esteve reunido com autoridades discutindo o assunto, levando sugestões para linhas que ligam a capital federal às cidades satélites e região do Entorno de Brasília.

Tabanez, também além de solicitar melhorias o político fala sobre adoções de urgência de políticas públicas administrativas que integran os municípios de Goiás e Cidades satélites de Brasília com vistas a redução dos custos dos transportes para as pessoas que necessitam do transporte público rodoviário para se deslocarem ao trabalho até Brasília.

Fica em destaque pelo Carlos Tabanez, que disse ” a interligação entre as cidades do Entorno e Capital impõe uma carga substancial sobre os ombros dos trabalhadores que dependem diariamente se deslocarem entre essas localidades”, e continua ” a criação de redes de transporte integrados, que conectem de maneira eficiente as diversas cidades citadas, ao enfrentarem diariamente desafios físicos e financeiros para acessarem a oportunidade de trabalho, veem suas vidas profundamente impactadas”, falou a nossa equipe.

Essa medida visa tornar o serviço mais acessível e econômico para os cidadãos de nossa região, uma vez que a cidade busca constantemente melhorar a qualidade de vida de seus habitantes.

Essas ações devem visar não apenas a redução dos custos do transporte público rodoviário, mas também a melhoria da qualidade e acessibilidade desses serviços; e buscar, ainda que as tarifas sejam única. Esee está sendo o objetivo do ex-deputado Carlos Tabanez no pedido ao governador do GDF.

Linhas de ônibus para Rodoviária e Zoológico terão reforços no feriado

Linhas de ônibus para Rodoviária e Zoológico terão reforços no feriado

Devido ao feriado de Nossa senhora Aparecida e Dia das Crianças, rotas de ônibus que vão para Rodoviária e Zoológico ganham reforço

As linhas de ônibus que vão para a Rodoviária do Plano Piloto e Zoológico terão reforço nesta quinta-feira (12/10). Devido ao evento que irá ocorrer próximo à Catedral de Brasília, os transportes coletivos têm a autorização para realizar viagens extras, de acordo com a demanda, entre às 8h e às 21h. As linhas que operam para o Zoológico de Brasília farão viagens mais frequentes diante da expectativa de aumento de demanda por causa da programação em comemoração ao Dia das Crianças.

As demais linhas de ônibus do Distrito Federal vão seguir os horários normais de domingo, informou a Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob).

Na sexta-feira (13/10), os ônibus voltam ao horário normal para atender aos passageiros, conforme a tabela de dia útil. Os horários podem ser conferidos no site dfnoponto.semob.df.gov.br.

DF terá mais linhas de ônibus e mais viagens ao longo do dia em diversas regiões a partir de segunda (25); veja lista

DF terá mais linhas de ônibus e mais viagens ao longo do dia em diversas regiões a partir de segunda (25); veja lista

Moradores do Gama e do Park Way ganharão novas linhas. Já quem pega ônibus em São Sebastião, Paranoá e Itapoã terá mais veículos circulando.

O Distrito Federal tem mudanças em algumas linhas de ônibus a partir de segunda-feira (25). Moradores do Gama e do Park Way ganharão novas linhas. Já quem pega ônibus em São Sebastião, no Paranoá e no Itapoã terá mais viagens ao longo do dia.

A Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) informou nesta sexta (22) que, ao todo, o sistema de transporte público coletivo do DF receberá 195 ônibus novos da empresa Pioneira, que já conta com 100% de sua frota renovada. Deste total, 79 serão para aumento da frota e 116 irão substituir veículos que atingirão o limite de vida útil.

Veja quais as mudanças:
No Gama

As novas linhas 204 e 204.1 vão ser circulares entre as regiões oeste e leste. Elas vão substituir as linhas 3208 e 3209, que vão deixar de existir. A tarifa é de R$ 2,70.
No Parkway

A novidade é a linha 073.5, que vai fazer o trajeto circular entre as quadras 14 e 25. Essas novas linhas são de miniônibus e a tarifa custa R$ 2,70.
Mais viagens

Vão ganhar mais viagens ao longo do dia as linhas 181 e 181.1, que circulam entre São Sebastião, Paranoá e Itapoã;
A linha 170.4 vai começar a passar também pelo IFB de São Sebastião;
A linha 197.6 vai começar a passar também no Morro da Cruz;
No Jardins Mangueiral, a linha 180.5, que vai para a W3 Sul, receberá o acréscimo de 2 viagens em dias úteis, e a circular 183.6 terá ampliação de 7 viagens também em dias úteis.

Viagens de ônibus serão reforçadas neste domingo (2), dia de manutenção do metrô-DF

Viagens de ônibus serão reforçadas neste domingo (2), dia de manutenção do metrô-DF

Semob implantará operação para atender passageiros neste domingo (2)

A Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) elaborou uma programação especial para atender as regiões onde circula o metrô, que passará por manutenção preventiva neste domingo, dia 2 de julho.

Haverá viagens extras de ônibus, conforme demanda, em algumas linhas que circulam em Samambaia, Ceilândia, Taguatinga e Águas Claras.

Confira as linhas que terão reforço
→ 306.1 – Taguatinga Sul / Rodoviária do Plano Piloto (QS11 – Vereda da Cruz – Águas Claras – EPTG – Eixo) Empresa Marechal.
* A rota da linha 306.1 será ajustada e os ônibus circularão em toda a extensão das avenidas Castanheiras e Araucárias, em Águas Claras.

373.2 – Samambaia Norte (1° Avenida / Rodoviária do Plano Piloto: SHIS – EPNB – Eixo) – Empresa Urbi.

→ 0.394 – Samambaia Sul (1° Avenida) / Rodoviária do Plano Piloto: EPTG) – Empresa Urbi.

→ 0.385 – QNR 5 (P1 Norte – P1 Sul) / EPTG / SIA / Rodoviária do Plano Piloto – Empresa São José.

0.331 – Setor O / Rodoviária do Plano Piloto (Estrutural) – Empresa São José.