Seja bem-vindo. 14 de junho de 2024 02:09
Previous slide
Next slide

PCDF prende dupla que se passava por mulheres para roubar motoristas

Os criminosos criavam perfis falsos em aplicativos de transporte e pediam corridas durante a madrugada em bares movimentados do DF

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou a Operação Indrive, na manhã desta terça-feira (21/11), contra uma quadrilha suspeita de roubar motoristas de transporte por aplicativo.

São cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e dois de prisão preventiva. A investigação é da Divisão de Repressão a Roubos e Furtos (DRFV2) da Coordenação de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Corpatri).

Segundo os investigadores, os autores usavam perfis falsos para solicitar as corridas. Quando a vítima chegava ao endereço, era rendida e tinha o carro e celular levados pelos criminosos.

“A preferência dos autores era fazer as solicitações durante a madrugada, em bares de grande circulação de Ceilândia e Taguatinga. Usavam perfis em nome de mulheres, visando diminuir a desconfiança por parte das vítimas”, informou a PCDF.

Uma vez que os motoristas se dirigiam para o local (parte externa dos bares) eram abordados pelos autores, sofrendo ameaças com arma de fogo, e conduzidos para locais afastados, onde tinham seus veículos e bens subtraídos.

Os investigadores identificaram ao menos quatro casos ocorridos nas regiões de Ceilândia, Taguatinga, e Santa Maria. A polícia investiga se veículos roubados eram adulterados e enviados para outras unidades da federação.

Na ação, os agentes prenderam dois homens, um de 24 anos e outro de 19. Eles responderão pelos crimes de roubo qualificado e associação criminosa, com penas de quatro a 10 anos de reclusão; e de um a três anos de reclusão, respectivamente.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *