Seja bem-vindo. 26 de fevereiro de 2024 15:56
Previous
Next

Funcionária de loja tem celular furtado enquanto trabalhava em shopping de Valparaíso

A policia civil busca identificar a mulher acusada de cometer o crime na loja do shopping sul

O vídeo foi registrado no dia 19/11 domingo as 14;16 hs mostra a acusada (de branco com sacola na mão) ela passa, dá uma olhada, e vê o celular deixado pela funcionária sobre o balcão, e continua andando. Segundos depois ela (acusada) volta, olha se alguém estava observando vai para perto do balcão onde está o celular, disfarça, se aproxima e pega o celular, com o aparelho em mãos joga dentro da sacola que carrega e vai embora da loja.

No momento do furto, a vítima que é funcionária da loja, realizava vários atendimentos, por se tratar de domingo, a loja estava cheia clientes e não deu para perceber o furto, momentos depois vai procurar o aparelho e sente falta. Quando ela vai até o sistema de câmeras da loja, consegue ver o momento exato do furto e flagrar a acusada.

POLÍCIA CIVIL

As imagens foram repassadas a policia civil do estado de Goiás, o Delegado Leonilson, titular do GIH, que responde interinamente pela Primeira Delegacia, responsável pelo caso, informou que tomou conhecimento e fará diligências na loja para ouvir a funcionária e abrir uma investigação para localizar e responsabilizar a autora do crime.

SHONPIG SUL

NOTA OFICIAL Sobre o furto de um celular ocorrido na loja de jogos no último domingo, 19/11/2023, o Shopping Sul ressalta que está prestando o apoio necessário ao Lojista e colaborando com as autoridades competentes na resolução do caso. O empreendimento salienta que a segurança de nossos visitantes e lojistas é de total prioridade.

Dupla é presa suspeita de invadir shopping em Valparaíso de Goiás, roubar quase 200 celulares e revender pela internet

  1. Dupla é presa suspeita de invadir shopping em Valparaíso de Goiás, roubar quase 200 celulares e revender pela internet

Alvo de operação da Polícia Civil, Leonardo Gomes está foragido. Conforme a polícia, eles cometiam crimes parecidos em todo país.

Um grupo é suspeito de furtar 180 celulares de uma loja em um shopping de Valparaíso de Goiás, no Entorno do DF. Um vídeo mostra o momento em que um deles sai com uma mala com os aparelhos.

Como os nomes dos suspeitos não foram divulgado, nosso veículo não localizou as defesas deles para se posicionarem até a última atualização desta reportagem.

Durante a Operação Sem Fio, que ocorreu na quarta-feira (6), dois suspeitos foram presos. Segundo a Polícia Civil, o furto aconteceu no dia 24 de agosto. Eles vendiam os aparelhos na internet.

Conforme a polícia, os integrantes da associação criminosa cometiam crimes parecidos em todo país. Um dos suspeitos, Leonardo Gomes, está foragido e a polícia divulgou a imagem dele para identificação.

A operação contou com quatro mandados de buscas, um de prisão temporária e duas prisões em flagrante. Conforme a Polícia Civil, o principal suspeito do crime já foi condenado por roubo de celulares em um shopping de Águas Lindas de Goiás.

Os dois suspeitos presos em flagrante estavam com os celulares e também vão responder por posse irregular de 20 munições e tráfico de drogas. Com eles, foram apreendidos R$ 6 mil.

Vítima de acidente é furtada enquanto era socorrida por bombeiros no DF

Vítima de acidente é furtada enquanto era socorrida por bombeiros no DF

Os suspeitos do crime são marido e mulher que acompanhavam o atendimento junto a outras testemunhas. Os dois foram presos pela Polícia Militar (PMDF)

Uma jovem de 19 anos foi furtada enquanto era socorrida pelos militares do Corpo de Bombeiros, após sofrer um acidente de moto na Estrada Parque Núcleo Bandeirante (EPNB), nesta quinta-feira (17/8). Os suspeitos do crime são marido e mulher que acompanhavam o atendimento junto a outras testemunhas. Os dois foram presos pela Polícia Militar (PMDF).

A jovem pilotava a moto, quando colidiu com um carro. Mesmo com ferimentos leves, ela precisou ser atendida pelos socorristas. Neste momento, o casal furtou uma sacola com os pertences da vítima. Segundo a PMDF, no momento em que era atendida, a motorista recebeu uma notificação pelo celular referente a uma compra efetuada em uma drogaria do Núcleo Bandeirante.

Os militares se deslocaram ao estabelecimento e, com a ajuda dos atendentes da loja, tiveram acesso às câmeras de segurança. As imagens obtidas, mostram a mulher escolhendo produtos na prateleira. O casal foi localizado e preso em flagrante pela PMDF. Eles foram levados à 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul) e devem responder por furto qualificado.

Trio furta mais de R$ 30 mil em iPhones de shopping no DF

Trio furta mais de R$ 30 mil em iPhones de shopping no DF

Criminosos aproveitaram momento de distração de vendedora para furtar R$ 35 mil em iPhones de loja em shopping na Asa Sul

Câmeras de segurança de uma loja de celulares, em um shopping da Asa Sul, registraram o momento em que três criminosos furtaram R$ 35 mil em iPhones. As imagens são da última sexta-feira (30/5).

Os registros mostram quando o trio chega ao estabelecimento e começa a observar os produtos, passando-se por clientes. Ao serem atendidos, são convidados pela vendedora para conferir oito celulares, de modelos e cores diferentes.

Em seguida, uma das suspeitas, que se passava por cliente, perguntou sobre uma caixa de som à venda, para desviar a atenção da vendedora.

Nesse momento, o comparsa dela pega os celulares, coloca na bolsa da parceira, e o trio deixa o local sem levantar suspeitas. O caso é investigado pela 5ª Delegacia de Polícia (Área Central).

Goiânia – Um homem de 36 anos, que não tem parte de uma das pernas, foi preso por suspeita de ter cometido diversos furtos em na capital goiana e em Aparecida de Goiânia, na região metropolitana

Goiânia – Um homem de 36 anos, que não tem parte de uma das pernas, foi preso por suspeita de ter cometido diversos furtos em na capital goiana e em Aparecida de Goiânia, na região metropolitana

 

Segundo a Polícia Militar de Goiás (PMGO), ele foi identificado e detido na segunda-feira (29/5) por causa das muletas e pela deficiência, após ser flagrado por câmeras de segurança.

De acordo com a corporação, o suspeito agia há meses e estava foragido. A prisão ocorreu depois de câmeras de segurança flagrarem o crime ocorrido em uma empresa no Setor Vila Nossa Senhora de Lourdes, em Aparecida. O homem pulava muros dos estabelecimentos para cometer os delitos.

Ainda de acordo com a PM, o suspeito tem uma série passagens pela polícia. Entre elas, por roubo, receptação e furto. Ele estava em liberdade desde 2020. À corporação, o homem informou que somente na última semana cometeu cerca de 15 furtos.

Com o suspeito, os agentes encontraram uma esmerilhadeira furtada pouca antes dele ser preso.