Seja bem-vindo. 20 de abril de 2024 19:07
Previous slide
Next slide
Previous slide
Next slide

Pefis genético ajuda polícia em investigação que prendeu Estuprador

Informações do Banco de Perfis Genéticos da Polícia Técnico-Científica de Goiás foram essenciais para identificar o serralheiro Daniel Mauricio de Oliveira, preso suspeito de cometer estupros em série na Grande Goiânia. Perita Criminal e Chefe de Gabinete da Polícia Científica, Mariana Mota explicou que desde 2015 eram coletados materiais biológicos do suspeito deixado em vítimas.

“Essas amostras iam sendo processadas [no Laboratório de Biologia e DNA Forense]. Gerava-se um perfil genético (DNA), e esse perfil era inserido no Banco de Perfis Genéticos. À medida que novas vítimas iam aparecendo, o banco ia reportando ‘matches’, que são as coincidências genéticas, e a gente encaminhava esses laudos para a Polícia Civil”, explicou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *