Seja bem-vindo. 21 de abril de 2024 02:29
Previous slide
Next slide
Previous slide
Next slide

Moradores falam sobre os benefícios da maternidade: Prefeito Diego Sorgatto visita bebê número mil nascido no Hospital Estadual de Luziânia

Moradores falam sobre os benefícios da maternidade: Prefeito Diego Sorgatto visita bebê número mil nascido no Hospital Estadual de Luziânia

_Entre as comemorações, o Prefeito Diego Sorgatto e o secretário de Saúde, estiveram na unidade de Saúde para darem as boas-vindas à pequena Isis Maria_

A Maternidade do Hospital Estadual Vasco do Rosário Melo celebrou no dia de ontem (26) o nascimento do milésimo bebê. A chegada da pequena Isis Maria, que marca as mil vidas que a equipe ajudou a trazer ao mundo desde a inauguração, no segundo semestre do ano passado, foi motivo de comemoração entre médicos, enfermeiros e setor administrativo da unidade hospitalar.

Entre os que comemoraram o nascimento, estão o prefeito de Luziânia, Diego Sorgatto e o secretário Municipal de Saúde, Gonçalo Henrique. Ambos fizeram questão de visitar a pequena Isis, e claro, não esqueceram dos presentes. “Muita felicidade por poder acompanhar este momento tão especial para todos nós. Já são mil partos realizados aqui em nossa cidade, o que antes da estadualização da unidade, era algo inimaginável pelas mamães de Luziânia”, afirmou o prefeito.

O prefeito agradeceu ao Governo do Estado, “que foi sensível com a solicitação, tanto da estadualização, quanto da instalação da Maternidade no Hospital Estadual de Luziânia, antigo Regional”. “Um trabalho de excelência, que muito nos honra e que traz a sensação de mais um compromisso cumprido diante da população luzianiense”, concluiu.

O secretário de Saúde, Gonçalo Henrique, ressaltou a importância da estadualização do hospital: “Não fosse o trabalho do prefeito Diego Sorgatto no sentido passar a administração do antigo Hospital Regional para administração do Governo Estadual, possivelmente ele ainda estaria com as portas fechadas, ou funcionando precariamente. O custo para mantê-lo funcionando é muito alto e a Prefeitura não teria condições de custear os serviços ali oferecidos”, afirmou.

O Hospital Estadual de Luziânia foi estadualizado em 2020 e realizou atendimentos aos pacientes vítimas da Covid-19. Em 2022, a unidade passou por reformas estruturais e adequações para se tornar um Hospital Geral, com Centro Obstétrico de referência para Luziânia e região.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *