Seja bem-vindo. 25 de fevereiro de 2024 13:05
Previous
Next

Homem que matou noiva a facadas no DF é condenado a 29 anos de prisão

O crime ocorreu em dezembro de 2022. Alexandre Marciano Ribeiro matou a noiva, Rozane Costa Ribeiro, na frente do filho dela

O auxiliar de cozinha Alexandre Marciano Ribeiro foi condenado a 29 anos, 6 meses e 10 dias de prisão por matar a noiva, Rozane Costa Ribeiro. O crime ocorreu em dezembro de 2022, no Riacho Fundo 2, no Distrito Federal.

O julgamento de Alexandre, que teve início na manhã de terça-feira (14/11), terminou na madrugada desta quarta-feira (15/11), por volta das 3h30.

Alexandre esfaqueou Rozane na frente do filho dela. O feminicida fugiu após cometer o crime. Ele foi encontrado dois dias depois, em 14 de dezembro, no bairro carioca de Madureira.

“Não é exatamente o que nós queríamos. Gostaríamos da Rozane aqui, com a gente. O sentimento é de dever cumprido. A Justiça foi feita e a sentença é justa”, desabafou Nirlandia Ribeiro, 51, irmã de Rozane.

Relembre o caso

Na data do crime, vizinhos de Rozane haviam notado uma movimentação estranha no apartamento da professora, na Conjunto 2 da QN 21, no Riacho Fundo 2. Um dos filhos de Rozane, que na época tinha 12 anos, testemunhou o crime. O garoto tentou pedir ajuda ao porteiro do prédio onde morava com a vítima.

Professora de português e redação, a vítima trabalhava em uma escola particular em Samambaia Sul desde 2006. Além do menino, Rozane deixou uma filha mais velha, de 21 anos, que morava na Argentina, onde estudava medicina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *