Seja bem-vindo. 25 de julho de 2024 01:28
Previous slide
Next slide

Homem é preso suspeito de estuprar sobrinhas de 11 e 13 anos e ameaçar matá-las caso elas não cumprissem seus pedidos

Uma das vítimas relatou à polícia que o homem chegou a ameaçá-la com um facão. Quando confrontado sobre os crimes por familiares, ele negou os fatos e também os ameaçou.

A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de estuprar as duas sobrinhas da esposa, de 11 e 13 anos, na cidade de Anápolis, a 55 km de Goiânia . Uma das vítimas relatou à polícia que o homem chegou a ameaçá-la com um facão e disse que mataria toda a família se ela continuasse se recusando aos abusos. A identidade do investigado, de 47 anos, não foi divulgada pela polícia com o intuito de também preservar a identidade das vítimas.

 

O mandado de prisão preventiva contra o suspeito foi cumprido na tarde de quarta-feira (25). Mas segundo a polícia, a denúncia contra ele foi feita no dia 18 de outubro. Na ocasião, familiares das vítimas relataram que o homem estava ameaçando e perseguindo as meninas, na tentativa de forçá-las a praticarem atos sexuais com ele. Em conversas com os familiares, as vítimas relataram terem sido abusadas quando ainda tinham 8 e 10 anos e que, desde então, continuavam sendo assediadas pelo homem.

 

As meninas afirmam que o suspeito oferecia presentes e dinheiro para tentar convencê-las. Quando elas recusavam, ele fazia graves ameaças, dizendo que mataria familiares. Uma das meninas detalhou que o homem tentou se passar por seu pai, para retirá-la da escola no horário das aulas. Além disso, tentou forçá-la a entrar em seu carro, usando um facão, e ainda, durante uma reunião familiar, forçou a porta do banheiro em que ela estava para tentar entrar, mas acabou sendo impedido por outro familiar.

Uma familiar contou à polícia ter presenciado o homem entrando de cueca no quarto em que dormia com as meninas e passando a mão pelo corpo delas. Diante dos relatos, as vítimas foram encaminhadas para exame de corpo de delito, que confirmou os abusos. O homem foi encaminhado para a prisão e, se condenado pelo crime de estupro de vulnerável, pode cumprir até 15 anos de reclusão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *