Seja bem-vindo. 25 de fevereiro de 2024 12:13
Previous
Next

Golpistas se passam por ladrões e exigem dinheiro para devolver cargas

Segundo a polícia, eles aproveitam o momento de fragilidade para exigir dinheiro, causando um segundo prejuízo às vítimas

A Polícia Civil de Goiás (PCGO), por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), deflagrou nesta terça-feira (16) operação que culminou na prisão temporária de três membros de uma quadrilha especializada em extorquir dinheiro de vítimas de furto ou roubo de cargas e veículos.

De acordo com as investigações, os criminosos obtinham informações acerca de roubos de veículo ou cargas ocorridos nas últimas horas e passavam, então, a manter contato com as vítimas afirmando estar em posse dos bens roubados e exigindo dinheiro para devolvê-los.

O grupo criminoso, que concentra seus integrantes em Goiás, mas tem atuação em âmbito nacional, se vale do fato de que várias das vítimas não possuem seguro dos bens subtraídos. Eles aproveitam o momento de fragilidade para exigir dinheiro, causando um segundo prejuízo às vítimas.

Por meio de ligações telefônicas, os integrantes da organização se passavam até mesmo por agentes de segurança pública na tentativa de obter informações das vítimas. Em São Paulo, uma das duas vítimas identificadas, chegou a pagar R$ 15 mil aos criminosos.

Nesta fase da operação, são apurados os crimes de associação criminosa, corrupção de menores e estelionato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *