Seja bem-vindo. 30 de maio de 2024 10:28
Previous slide
Next slide

Exército vai ajudar a resgatar cavalo ilhado em telhado

Há informações de que animal se equilibra sobre o telhado de uma casa há quatro dias, sem beber água ou se alimentar

O General Hertz Pires do Nascimento, comandante das operações do Exército Brasileiro no Rio Grande do Sul, mobilizou equipes para localizar e resgatar o cavalo que ficou ilhado no telhado de uma casa, em Canoas (RS).

“Os veterinários do Exército devem acompanhar. Vamos torcer para que o Caramelo tenha resistido essa noite [de quarta-feira]”

A imagem do animal, flagrado pelo helicóptero da TV Globo na quarta-feira (8/5), chocou os brasileiros e se tornou um dos símbolos da catástrofe no estado.

Na rede social X (antigo Twitter), internautas enviaram mensagens para primeira-dama com alertas de que, próximo ao cavalo, há cães desabrigados. “Tem dois cachorros lá também, precisando de resgate. Não os deixem pra trás, por favor”, escreveram.

Há informações de que o animal está no mesmo local há quatro dias, enquanto tenta se equilibrar no telhado, sem beber água ou se alimentar. Ainda na quarta-feira (8/5), o prefeito de Canoas, Jairo Jorge (PSD), afirmou que a operação de resgate deve exigir o uso de um helicóptero que suporte até 600kg.

Cavalo submerso

O vice-prefeito de Santo Antônio da Patrulha (RS), Marcelo Santos da Silva, declarou na última segunda-feira (6/5) que foi domador de cavalos e resgatou um animal que estava com água até o pescoço após as inundações.

O animal, que é de grande porte, se afogava em uma rua de Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre, uma das mais afetadas pelas chuvas e enchentes que assolam o estado. Para salvá-lo, foi necessário laçar o equino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *