Seja bem-vindo. 22 de maio de 2024 01:18
Previous slide
Next slide

Uso de máscara passa a ser obrigatório na Rede Pública Municipal de Saúde de Valparaíso de Goiás, após aumento médio de 99,6% de casos confirmados de infecção por Covid-19

Uso de máscara passa a ser obrigatório na Rede Pública Municipal de Saúde de Valparaíso de Goiás, após aumento médio de 99,6% de casos confirmados de infecção por Covid-19

Máscaras de proteção voltam a ser usadas em unidades de saúde em Valparaíso, o uso obrigatório foi determinado após aumento aumento médio de 99,6% de casos confirmados de infecção por Covid-19.

O uso de máscara de proteção passou a ser obrigatório na rede pública de saúde de Valparaíso (GO), Entorno do Distrito Federal. A determinação veio após aumento de casos de doenças respiratórias devido as condições climáticas, e o aumento médio de 99,6% de casos confirmados de infecção por Covid-19 . A obrigatoriedade vale para servidores, pacientes e demais visitantes, nas dependências das unidades de saúde e unidades administrativas vinculadas à Secretaria Municipal de Saúde.

A cidade de Valparaíso de Goiás, localizada no Entorno do Distrito Federal, registrou nas últimas duas semanas um aumento médio de 99,6% nos casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus, segundo dados do boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Além disso, as condições climáticas da região favorecem o surgimento e agravamento de doenças respiratórias, como asma, bronquite e rinite.

Diante desse cenário, a SMS informa que o uso de máscara de proteção facial passa a ser obrigatório nas dependências das unidades de saúde e unidades administrativas vinculadas à secretaria. A medida visa reduzir o risco de transmissão da Covid-19 e de outras doenças respiratórias entre servidores, pacientes e demais visitantes.

A SMS também esclarece que a obrigatoriedade do uso de máscara segue as recomendações e orientações da Nota Técnica CGVDI/DIMU/SVSA/MS Nº 06/2023, emitida pela Coordenação-Geral de Vigilância das Doenças Imunopreveníveis, que atualiza as medidas de prevenção e controle no contexto da Covid-19, baseadas nas evidências científicas disponíveis e na experiência internacional.

A SMS reforça que o uso de máscara é uma das formas mais eficazes de prevenir a propagação do vírus, mas não dispensa outras medidas, como o distanciamento social, a higienização das mãos e a vacinação. A secretaria também pede a colaboração da população para que respeite as normas sanitárias e evite aglomerações.

Fonte: Com as informações da Secom PMVG.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *