Seja bem-vindo. 19 de julho de 2024 21:33
Previous slide
Next slide

Policiais morrem afogados durante perseguição em Goiás, diz PM

Policiais morrem afogados durante perseguição em Goiás, diz PM

Segundo a PM, os policiais estavam procurando por um foragido, quando o viram na margem de um rio fugindo e entraram. Caso aconteceu em Cristalina.

O cabo Wenderson André da Silva Alves, de 31 anos, e o soldado Pedro Felipe Moreira da Nóbrega, de 33, ambos da Polícia Militar (PM), morreram afogados em Cristalina, no Entorno do Distrito Federal. Segundo a PM, os policiais estavam procurando por um foragido, quando o viram na margem de um rio fugindo.

A polícia disse que o foragido percebeu a chegada dos policiais e por isso fugiu para o mato, momento em que os PMs entraram no rio nadando. No entanto, após cerca de 15 metros, o cabo Wenderson se cansou e, na tentativa de ajudar o colega na travessia, o soldado Pedro Felipe também se afogou, segundo a ocorrência.

O caso aconteceu na tarde da última terça-feira (3), no rio São Bartolomeu. O Corpo de Bombeiros fez uma operação com 12 militares e encontrou os corpos por volta de 23h40 (veja vídeo abaixo).

Segundo os bombeiros, as condições no rio eram desafiadoras para as equipes de mergulho, por conta das águas turvas, lama e galhadas submersas, o que dificultou a procura. Os corpos foram encontrados a aproximadamente 50 metros da margem do rio e a uma profundidade de 15 metros, conforme divulgaram os bombeiros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *