Seja bem-vindo. 1 de março de 2024 23:19
Previous
Next

Irmãos de 5 meses e 3 anos deixam hospital após avós morrerem em acidente entre 18 veículos na BR-414

Irmãos de 5 meses e 3 anos deixam hospital após avós morrerem em acidente entre 18 veículos na BR-414

Luiz Augusto, de 5 meses, e Davi Lucas, de 3 anos foram encaminhados para o Hugol, em Goiânia, mas já receberam alta. Família diz estar grata pela vida dos dois.

Duas crianças que sobreviveram ao acidente entre 18 veículos, na BR-414, receberam alta do Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), em Goiânia. De acordo com familiares, Luiz Augusto, de 5 meses, e Davi Lucas, de 3 anos, estavam no carro dos avós maternos, que morreram no momento da batida.

“A situação que ficou o carro, se você olha, diz: ‘não salvou ninguém’. Mas Deus colocou a mão na cabeça dos meus netinhos e salvou eles. Graças a Deus, só agradecer agora”, afirmou o avô paterno das crianças, Borges Rodrigues da Silva.
Um homem que trabalhava em uma obra na rodovia foi quem resgatou o pequeno Luiz Augusto, de 5 meses. Um vídeo mostra o momento do resgate (assista acima).

O acidente aconteceu na segunda-feira (25), em Anápolis, a 55 km de Goiânia. O Corpo de Bombeiros informou que três pessoas morreram no local e o Instituto Médico Legal (IML) confirmou uma morte no hospital.

Entre as vítimas fatais estão o casal Lucivânia Marcelino de Carvalho Miranda, de 48 anos, e Valdeni Tiburcio de Miranda, de 52. Eles eram avós maternos dos dois irmãos resgatados com vida.

O acidente
O inspetor da Polícia Rodoviária Federal Newton Morais informou que a pista, que é simples, está em obras e utiliza o sistema “pare e siga”. Com isso, no momento do acidente, vários carros estavam parados na pista. Um caminhão que descia a rodovia não conseguiu frear a tempo, batendo nos veículos e causando o engavetamento entre os carros.

“A pista é muito íngreme. Ainda não temos os detalhes técnicos do porque ele não conseguiu frear. Há a possibilidade do caminhão ter perdido os freios ou até mesmo do motorista ter tido um mal súbito”, ressaltou o inspetor.

A pista foi liberada após o resgate das vítimas. O caminhão que provocou o acidente passará por perícia para identificar o que pode ter causado o acidente.

Irmãos de 5 meses e 3 anos deixam hospital após avós morrerem em acidente entre 18 veículos na BR-414
Luiz Augusto, de 5 meses, e Davi Lucas, de 3 anos foram encaminhados para o Hugol, em Goiânia, mas já receberam alta. Família diz estar grata pela vida dos dois.
Por Larissa Feitosa, Tariq Augusto, TV Anhanguera, g1 Goiás

26/09/2023 14h19 Atualizado há 18 horas

Irmãos deixam hospital após avós morrerem em acidente entre 18 veículos na BR-414
Irmãos deixam hospital após avós morrerem em acidente entre 18 veículos na BR-414

Duas crianças que sobreviveram ao acidente entre 18 veículos, na BR-414, receberam alta do Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), em Goiânia. De acordo com familiares, Luiz Augusto, de 5 meses, e Davi Lucas, de 3 anos, estavam no carro dos avós maternos, que morreram no momento da batida.

Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
“A situação que ficou o carro, se você olha, diz: ‘não salvou ninguém’. Mas Deus colocou a mão na cabeça dos meus netinhos e salvou eles. Graças a Deus, só agradecer agora”, afirmou o avô paterno das crianças, Borges Rodrigues da Silva.
Um homem que trabalhava em uma obra na rodovia foi quem resgatou o pequeno Luiz Augusto, de 5 meses. Um vídeo mostra o momento do resgate (assista acima).

O acidente aconteceu na segunda-feira (25), em Anápolis, a 55 km de Goiânia. O Corpo de Bombeiros informou que três pessoas morreram no local e o Instituto Médico Legal (IML) confirmou uma morte no hospital.

LEIA TAMBÉM:

ASSISTA: Vídeos mostram pessoas retirando adultos e crianças de destroços de acidente com 18 veículos e 4 mortos na BR-414
RELATOS: Empresário que teve carro atingido por caminhão que causou acidente com mortos e feridos na BR-414 relata susto: ‘Nasci de novo’
FREIO: Acidente com mortos e feridos na BR-414 foi provocado por caminhão que não conseguiu frear e causou engavetamento, diz PRF

Entre as vítimas fatais estão o casal Lucivânia Marcelino de Carvalho Miranda, de 48 anos, e Valdeni Tiburcio de Miranda, de 52. Eles eram avós maternos dos dois irmãos resgatados com vida.

Homem resgata criança que ficou ferida em acidente com 18 veículos e 4 mortos na BR-414, em Anápolis, Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Homem resgata criança que ficou ferida em acidente com 18 veículos e 4 mortos na BR-414, em Anápolis, Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

O acidente
Ao g1, o inspetor da Polícia Rodoviária Federal Newton Morais informou que a pista, que é simples, está em obras e utiliza o sistema “pare e siga”. Com isso, no momento do acidente, vários carros estavam parados na pista. Um caminhão que descia a rodovia não conseguiu frear a tempo, batendo nos veículos e causando o engavetamento entre os carros.

“A pista é muito íngreme. Ainda não temos os detalhes técnicos do porque ele não conseguiu frear. Há a possibilidade do caminhão ter perdido os freios ou até mesmo do motorista ter tido um mal súbito”, ressaltou o inspetor.

A pista foi liberada após o resgate das vítimas. O caminhão que provocou o acidente passará por perícia para identificar o que pode ter causado o acidente.

Maria Flor Martins de Oliveira, Hermes Avelino Fraga Farias, Lucivânia Marcelino de Carvalho Miranda e Valdeni Tiburcio de Miranda, vítimas de acidente em Anápolis, Goiás.

Veja quem são os mortos em acidente
Maria Flor Martins de Oliveira, de 6 anos
Hermes Avelino Fraga Farias, de 65 anos
Lucivânia Marcelino de Carvalho Miranda, de 48 anos;

Valdeni Tiburcio de Miranda, de 52 anos
Lucivânia e Valdeni eram casados e moravam em Iporá. Maria Flor, era de Niquelândia, e Hermes, de Anápolis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *