Seja bem-vindo. 25 de fevereiro de 2024 11:09
Previous
Next

Homem tem mão dilacerada ao acionar bomba achando que era rastreador , em Valparaíso

A vítima recebeu a bomba de um conhecido que o orientou a acionar um dispositivo. O explosivo causou graves lesões na mão e no peito

O guarda municipal de Goiás Kleber Pugliezzi, de 44 anos, está internado em estado grave em um hospital de Valparaíso, no Entorno do Distrito Federal, após se ferir com uma bomba caseira.

Segundo apurações preliminares, a vítima recebeu um objeto de um conhecido. Ele pegou o item acreditando que se tratava de um rastreador veicular.

Pugliezzi foi orientado pelo colega a ativar o artefato, que explodiu causando graves lesões na mão e perfurações no peito.

Acionados, os policiais conseguiram localizar e prender o suspeito em Valparaíso (GO). O caso é investigado como tentativa de homicídio.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *