Seja bem-vindo. 19 de julho de 2024 22:04
Previous slide
Next slide

Esposa que matou homem a facadas escondeu celular para flagrar traição

Jocasta Paola Weber, 34 anos, teria escondido um celular no carro do companheiro para flagrar o suposto caso extraconjugal

Presa por matar o marido a facadas em Vicente Pires, no Distrito Federal, Jocasta Paola Weber, 34 anos, escondeu um celular no carro do companheiro, Marco Antônio Ferreira Maciel Júnior, 44, para flagrar um suposto caso extraconjugal.

Nos últimos dias, ela desconfiou da possível infidelidade. O casal, então, passou a discutir com frequência, e, na madrugada de quarta-feira (26/06), Jocasta esfaqueou e matou o companheiro enquanto ele dormia. Na sequência, decidiu deixar o DF junto com o enteado, de 24 anos, e a filha, de 9.

Os dois chegaram a questionar o motivo da decisão, mas Jocasta mandou o casal obedecê-la. Aos berros, e de forma bastante agressiva, ela mandou que eles arrumassem os pertences.

A família vivia de aluguel no condomínio Porto Seguro. Ao longo do relacionamento, o casal teria protagonizado discussões, mas apenas uma vez ocorreu agressão física.

Após contar o crime para colegas de trabalho, o jovem foi aconselhado pelo chefe a relatar o caso à Polícia Civil. Ele, então, foi à 38ª Delegacia de Polícia (Vicente Pires).

Durante a fuga, Jocasta sofreu um acidente na BR-040, no sentido Brasília (DF) para Valparaíso (GO), por volta das 3h30 de quarta-feira (26/6). Um sargento da Polícia Militar do DF (PMDF) resgatou a família.

Sem ferimentos, Jocasta retomou a fuga, mas foi presa pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na manhã dessa quinta-feira (27/6), no município de Campo Mourão (PR).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *