Seja bem-vindo. 24 de junho de 2024 04:33
Previous slide
Next slide

Com passagem no DF, Fisiculturista é Preso por espancar mulher em Goiás.

A mulher foi levada em estado grave a um hospital e o marido alegou que ela havia caído em casa. Ela segue internada

O fisiculturista que foi preso suspeito de espancar a mulher e alegar que ela caiu em casa já agrediu a vítima anteriormente, quando eles moravam em Brasília, segundo a delegada Bruna Coelho, da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher, de Aparecida de Goiânia. Ele também responde por um caso de violência contra outra ex-namorada.

“Tem uma ocorrência registrada no sistema por lesão corporal em Brasília, em meados de 2021. Houve um pedido de medida protetiva que foi deferido, mas foi arquivado porque eles reataram o relacionamento”, explicou a delegada.

A atual companheira do suspeito foi agredida no dia 10 de maio. Após o espancamento, o homem a levou a hospital e afirmou que ela havia caído em casa. Porém, após a unidade de saúde perceber a gravidade das lesões, a Polícia Civil foi acionada.

De acordo com a delegada, o homem ainda não foi ouvido formalmente e segue preso em Aparecida de Goiânia. Sobre a agressão atual, a Polícia Civil explicou quais foram as lesões sofridas pela companheira do fisiculturista ao ser levada em estado gravíssimo ao hospital.

“A vítima apresentava múltiplas lesões, entre as quais traumatismo craniano no lado direito, esquerdo e base do crânio, oito costelas quebradas, clavícula fraturada, escoriações pelas coxas, boca e olhos, dentre outras”, descreve a ocorrência.

A vítima, de 31 anos, segue internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Mônica. O Mais Goiás entrou em contato com a unidade, a fim de obter o estado de saúde dela atualizado, e aguarda resposta.

A reportagem não conseguiu localizar a defesa do fisiculturista para que se posicionasse diante do caso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *