Seja bem-vindo. 26 de fevereiro de 2024 14:59
Previous
Next

Homem mantém companheira em cárcere privado no DF para ‘tirar demônio do corpo dela’, diz polícia

Suspeito foi preso. Vítima contou que estava trancada há 12 dias, sem comida e água; mulher também relatou ter sido espancada e agredida com facão.

Um homem que manteve a companheira em cárcere privado por 12 dias para “tirar demônio do corpo dela”, foi preso em Ceilândia, no Distrito Federal. Segundo a Polícia Militar, durante a tarde de sexta-feira (10), a mulher conseguiu escapar do cativeiro e buscou refúgio em uma escola pública, de onde chamou a polícia.

Aos militares, a vítima contou que o companheiro a mantinha presa desde o dia 28 de outubro, sem comida e nem água. A mulher relatou ter sido espancada e agredida com um facão. Ela contou ainda que chegou a gritar por ajuda, mas ninguém a ouviu.

 

A identidade da mulher e a idade dela não foram divulgadas. Ela foi levada para o Hospital de Ceilândia com lesões em todo o corpo.

 

Ainda conforme a polícia, o suspeito, de 45 anos, foi encontrado em uma casa de parentes, também em Ceilândia. No local, foi apreendido um facão, e o O homem foi levado para a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher II (Deam II).

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Ronney Matsui, o suspeito afirmou que queria “tirar o demônio” do corpo da companheira, e que ela mesma teria causado suas lesões.