Seja bem-vindo. 14 de junho de 2024 02:23
Previous slide
Next slide

Valparaíso recebe Cine Goiás Itinerante de 29 de maio a 2 junho

Valparaíso recebe Cine Goiás Itinerante de 29 de maio a 2 junho

Projeto exibefilmes com temática ambiental; sessões gratuitas serão realizadas pela manhã e tarde, no prédio da Secretaria de Educação

Valparaíso recebe Cine Goiás Itinerante de 29 de maio a 2 junho
Projeto exibe filmes com temática ambiental; sessões gratuitas serão realizadas pela manhã e tarde, no prédio da Secretaria de Educação

Três animações participantes do Festival de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) estão na programação do Cine Goiás Itinerante em Valparaíso de Goiás, no entorno do Distrito Federal DF). A exibição gratuita dos filmes será realizada por meio do projeto Cine Goiás Itinerante, da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), entre os dias 29 de maio e 2 de junho, com sessões abertas a toda a comunidade.

Entre os filmes escolhidos, está “O casamento da Ararinha Azul”. A obra traz conta a história de uma ararinha-azul, cujo marido é capturado por traficantes de animais em extinção, logo após o casamento. Ela conta com a ajuda de Ará (um menino mágico) e outras crianças para reencontrar o seu amado. As outras produções são “A natureza agradece”, e “As águas que brotam no Cerrado”.

As sessões gratuitas ocorrerão no Auditório Estadual da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte nos períodos matutino, das 8h às 11h, e vespertino, das 13h às 16h.

Roteiro
O próximo destino do projeto será o Fica. As sessões serão exibidas em uma estrutura itinerante que será montada em diversos pontos do Caminho de Cora. Serão atendidas as seguintes cidades: Corumbá de Goiás (05/06), Pirenópolis e Caxambú (06/06), Cocalzinho (07/06), São Francisco de Goiás (08/06), Jaraguá, Vila Aparecida (09/06) e cidade de Goiás, entre os dias 05 a 18/06. A estimativa de público para o mês de junho é de mais de cinco mil pessoas.

O projeto
O Cine Goiás Itinerante tem o objetivo de democratizar o acesso ao audiovisual no interior do estado, divulgar o cinema ambiental e capacitar profissionais da área. Os pilares do programa são a exibição de filmes que participaram do Fica e ações de qualificação e promoção da arte cinematográfica para a população. A iniciativa já atendeu mais de 150 municípios.